sua cozinha está bem equipada?

Uma das coisas que faço desde o início da minha carreira em 2009 é dar aula na residência dos clientes. Já dei aula em todo tipo de casa e com todo tipo de cozinha que você possa imaginar. Desde as mais equipadas, até as que nem faca tinham. Lembrando dessa trajetória decidi criar um guia baseado na minha vivência e no que acho importante ter no dia-a-dia de uma cozinha super ativa. Listarei abaixo alguns utensílios de maneira aleatória, sem ordem de prioridade, mas que são muito importantes, ao meu ver.

1. Tesouras: quando falamos de utensílios de corte sempre dizemos que existem três facas imprescindíveis na cozinha do dia-a-dia, que seriam: uma faca de chef, uma faca de pão (serrinha) e uma faca pequena para pequenos serviços, como aparar vagens. Mas poucas vezes falamos da necessidade de uma boa tesoura. É importante incluí-la na sua lista de utensílios pois pode ser usada para cortar as juntas de um frango, cortar uma pizza, cortar embalagens, cortar talos de salsinha, picar cebolinha.


2. Raladores: eu sou mestre em ter tipos diferentes de raladores e sempre quero comprar mais um. Acho importante testar o uso deles para diversos alimentos. Desde o ralador comum para fazer uma cenoura ralada até um específico para fazer espaguete de abobrinha ou tirar raspas de laranja/limão. Se você acha que é uma ferramenta supérflua, ainda não usou o ralador certo para ralar um queijo ou ralar noz moscada para alguma receita. Portanto, invista em um conjunto com vários tipos de raladores, pois cada tipo tem sua função.

3. Espremedor de alho: esse é um dos utensílios que eu menos uso, mas acho super válido você ter em casa. É importante encontrar um que funcione bem e facilite a nossa vida na cozinha. Eu confesso que nunca tive boas experiências, mas se você tem um em casa, agarre-se à ele pois de fato é uma mão na roda.


4. Colheres e xícaras medidoras: para medir farinhas, temperos ou qualquer outro ingrediente, eu gosto de usar xicaras e colheres medidoras. Esses utensílios são outra paixão que tenho. Sempre quero novos modelos e faço coleção. Já perdi a conta das variedades que tenho. Tento seguir sempre a mesma regra de escolher xícaras com 240ml ou aproximado, colheres de sopa de 15ml e colheres de chá de 5ml. Seguindo essa regra todas as receitas das minhas aulas e todas as receitas aqui do blog ou do clube de membros darão certo. É importante acrescentar um ponto importante da escolha das xícaras quando você comprar. Escolha jogos que tenham medidas de 1, 1/2, 1/3 e 1/4 de xicara. Já as colheres você pode compra as que possuem 1 colher e 1/2 colher que já será suficiente para você preparar as suas receitas.


5. Bowls: como uma boa chef de cozinha formada em uma escola clássica de gastronomia, me habituei a chamar tigela de bowl. Mas você pode chamar como preferir. Cumbuca, tigela, recipiente, bacia. O que importa é que você precisa ter pelo menos 3 de tamanhos diferentes para comportar os mais diversos ingredientes para sua receita. Seja para misturar ou porcionar ingredientes, ter tamanhos diferentes é excelente para dar uma mão na hora do preparo. pequenas, médias e grandes. Uma muito grande é ótima para misturar e fazer marinadas em geral, enquanto um tamanho pequeno-médio é necessário para misturar ingredientes secos ou bater ovos. Eu costumo comprar de cerâmica, melamina e o aço inoxidável, de preferência com tampas.



6. Tábuas de corte: a madeira é o nosso tipo preferido, pois é gentil com as facas e não cega tão rapidamente quanto o plástico. No entanto, não é a mais indicada em termos de higiene. A madeira é porosa e pode facilmente proliferar bactérias e fungos. Portanto, prefira as de poliuretano.

7. Facas: a faca básica de um chef é a sua faca na cozinha para quase tudo, incluindo cortar carne e legumes. Mas uma faca também é essencial para tarefas menores e mais precisas, como picar ervas ou alho. Eu uso a faca chef (aquela maior) para tudo e tenho outras para outros serviços como cortar um limão, fatiar um pão de forma. Faca nunca é demais e mantê-las amoladas também é super necessário. Assim você evita acidentes com facas cegas que precisam de mais força para cortar e nesse momento desliza e corta o dedo. Evite isso deixando sempre suas facas bem amoladas. Tem vídeo no meu canal do Youtube. Segue abaixo.



8. Colheres para mistura: sou fã incondicional das colheres de silicone. Acho práticas, bonitas e fáceis de manusear. Mas não abro mão de ter em casa também algumas colheres de pau para usar em receitas mais pesadas que precisam ser batidas à mão com mais vigor e envergariam colheres mais moles como as de silicone.


9. Descascador de legumes: esse é um dos itens mais escassos nas casas que costumo dar aula. Eu não vivo sem. Descascar legumes fica muito fácil com um desses. Prefiro as verões em que a lâmina fica na horizontal e não na vertical. Acho mais prático. Não é preciso gastar muito para ter um em casa. Existem vários formatos e preços diferentes. Escolha um que caiba no seu orçamento.


10. Abridor de latas e garrafa: outro item que não pode faltar. Você não vai querer se aventurar em abrir uma lata ou garrafa na força. Então tenha pelo menos uma versão de cada abridor.


73 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo